Notícias

São Paulo ajuda Brasil a subir 38 posições no ranking Doing Business 2020

Com o programa Empreenda Fácil, a cidade de São Paulo ganha visibilidade internacional e torna-se mais competitiva no ranking, que é vinculado ao Banco Mundial

De Secretaria Especial de Comunicação

O ranking mundial Doing Business 2020 mostrou o Brasil subindo 38 posições no quesito “abertura de empresa”, desde 2018, estimulando a melhoria do ambiente para investimento em todo país. O levantamento já havia apontado desde a edição passada o programa Empreenda Fácil, vinculado às secretarias municipais de Inovação e Tecnologia e da Fazenda, entre outras, como principal condicionante para esse progresso.

No relatório, a facilidade para abrir uma empresa no Brasil mereceu destaque: desde a criação do Empreenda Fácil, subimos 38 posições, da 176ª para 138ª. São Paulo sozinha responde por 61% da pontuação do país no ranking.

“Com a Prefeitura colaborando na criação de um bom ambiente de negócios, empresários e empreendedores que acreditam e investem no Brasil, podem colher bons frutos – e este reconhecimento é prova disso. Que essa visibilidade internacional coroe nossos esforços para modernizar São Paulo, atraindo capital empreendedor”, destaca Juan Quirós, secretário municipal de Inovação e Tecnologia.

O relatório Doing Business é publicado anualmente e está vinculado ao Banco Mundial, que monitora a regulamentação e implantação de negócios em 190 países.

Sobre o Empreenda Fácil

Lançado em maio de 2017, o Empreenda Fácil permite o licenciamento de empresas de baixo risco (80% da atividade econômica da cidade) em até três dias e meio, reduzindo a burocracia para a abertura de novos empreendimentos em São Paulo. Antes, os procedimentos levavam mais de cem dias e exigia a peregrinação do empreendedor entre órgãos municipais, estaduais e federais, agora reunidos em uma mesma plataforma. Outro diferencial é que o processo agora é auto declaratório, levando em consideração a palavra do empreendedor e confiando no cidadão. As informações são checadas posteriormente por meio de fiscalizações automatizadas e integradas que propiciam a redução de eventuais fraudes e irregularidades existentes.

Por meio do portal www.empreendafacil.prefeitura.sp.gov.br o empreendedor realiza as três etapas do processo: análise de viabilidade, registros municipal, estadual e federal e licenciamento municipal (quando necessário).

Ações do documento