Notícia na íntegra

Sábado, 25 de Março de 2023 | Horário: 21:08

Hábitos saudáveis ajudam a prevenir cálculo renal

A doença pode surgir por diversos fatores, mas pode ser prevenida com alimentação balanceada, atividades físicas e ingestão de líquidos.

O consumo elevado de sal e de alimentos ricos em proteína animal favorece o surgimento de cálculos renais (litíase renal), as conhecidas pedras nos rins, que são pequenos cristais formados por sais ácidos e minerais que se acumulam no sistema urinário. Quando se juntam no rim, formam uma massa endurecida como se realmente fosse uma pedra.

Ao passar pelo canal que leva a urina do rim para a bexiga (ureter), esses cálculos podem obstruir o fluxo urinário, provocando dor intensa na região lombar e abdômen, que pode vir acompanhada de náuseas e vômitos, sangue na urina e causar até infecções, acometendo crianças, jovens e adultos.

Durante a crise, que ocorre repentinamente, são indicados medicamentos na veia para o controle da dor e para auxiliar na eliminação espontânea do cálculo. Se este não for expelido espontaneamente, podem ser necessários procedimentos cirúrgicos minimamente invasivos para fragmentá-lo ou retirá-lo, conforme exames diagnósticos e avaliação médica. No entanto, se não for feito tratamento adequado, há riscos de alterações renais e comprometimento do órgão.

Além do sal e excesso de proteína na dieta, o sedentarismo, predisposição genética, baixa ingestão de líquidos e obesidade também são condições que contribuem para o aparecimento da doença, que é tratável e prevenível. Desta forma, os cuidados se dão com mudanças de hábito, como a prática de atividades físicas, alimentação equilibrada e saudável, e controle do peso corporal. Junto à água, recomenda-se beber sucos cítricos, como limão e laranja, que protegem o organismo contra a formação dos cálculos.

No caso de cólica renal, procure o serviço de urgência mais próximo da sua casa. Para o tratamento do cálculo, a Unidade Básica de Saúde (UBS) faz o encaminhamento do paciente para o urologista.

 A localização de todos os equipamentos pode ser consultada na plataforma Busca Saúde

 

 

collections
Galeria de imagens

SECOM - Prefeitura da Cidade de São Paulo
E-mail:
  imprensa@prefeitura.sp.gov.br
Sala de imprensa:  imprensa.prefeitura.sp.gov.br
Facebook I  Twitter I  Instagram I  TikTok I  YouTube I  Acervo de Vídeos I  LinkedIn