Notícias

Em encontro com transportadores escolares, Prefeitura reafirma novo piso para o setor

O valor fixo será R$ 5.771,82 para o transporte de 16 crianças e um adicional de R$ 296,76 por cada aluno acima desse limite

De Secretaria Especial de Comunicação

O prefeito Ricardo Nunes participou neste sábado do 1º Encontro dos Transportadores Escolares de São Paulo. No evento, o prefeito lembrou as últimas ações da Prefeitura em benefício aos profissionais do setor, especialmente aqueles que estão incluídos no Programa de Transporte Escolar Municipal Gratuito (TEG).

Segundo Ricardo Nunes, a cidade reconhece a importância dos transportadores. “Por isso, decretamos o aumento do raio de distância de estudantes atendidos pelo TEG a partir 2023 em 500 metros. Com a nova regra, a Prefeitura passará a atender mais 22 mil estudantes. Na totalidade serão 103 mil bebês e crianças de 0 a 12 anos atendidas. Destes, 29 mil moram, no mínimo, a dois quilômetros da unidade educacional, respeitando a legislação em vigor”, disse o prefeito.

Para atender a nova demanda, a Prefeitura de São Paulo fará um investimento de R$ 4,9 milhões por mês e deverá abrir credenciamento de novos veículos, com a expectativa de contratação de, aproximadamente, até outros 1 mil novos veículos para fazer o transporte. Hoje a Cidade já possui 2.975 carros cadastrados no programa.
No encontro organizado pela União Geral do Transporte Escolar de São Paulo (UGTESP), Ricardo Nunes lembrou ainda da assinatura do decreto que estabeleceu um valor fixo de remuneração de R$ 5.771,82 para os veículos que possuírem 16 crianças alocadas, sendo pago o valor adicional de R$ 296,76 por cada aluno acima desse limite. “Essas são algumas medidas que adotamos para dar melhores condições de trabalho aos transportadores escolares e dar o reconhecimento e valorização da categoria”, disse o prefeito.

O governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, também participou do evento e destacou a parceria com a Prefeitura para investimento e melhorias no setor de transportes de estudantes. “O Estado pode ajudar as prefeituras e a própria prefeitura também ajuda o governo estadual em algumas áreas. Essa sinergia e trabalho em conjunto é importante e beneficia a população, neste caso com a valorização dos transportadores escolares que levam e trazem da escola com segurança”, disse o governador.

Já o presidente da União Geral do Transportes Escolar de São Paulo (UGTESP), Anderson Malafaia, disse que essa primeira edição do Encontro do Transporte Escolar de São Paulo serve de comemoração para as últimas conquistas do setor. Malafaia citou as medidas adotadas pela Prefeitura como um grande avanço para a categoria. “Hoje a entidade fundada em 2017 representa 3 mil associados em São Paulo.

SECOM - Prefeitura da Cidade de São Paulo
Telefones: 3113-8835/ 3113-8831
E-mail: imprensa@prefeitura.sp.gov.br
Acervo de vídeos: https://shre.ink/YYP
Sala de imprensa: imprensa.prefeitura.sp.gov.br



Ações do documento