Notícias

Vale do Anhangabaú será o novo ponto turístico da cidade, afirmam munícipes

Fontes, áreas ajardinadas, mobiliário e novos estabelecimentos comerciais que farão parte do projeto chamam a atenção da população. Prefeitura montou tenda no local para informar comerciantes e público sobre o projeto e andamento das obras.

De Secretaria Especial de Comunicação

Dentro de um ano, o Vale do Anhangabaú  terá  um visual diferente: bares, cafés, floriculturas e praças de fontes, além de sanitários, farão parte do seu cenário.  As obras de requalificação, que estão em andamento desde o mês de junho,  preveem investimentos de cerca de R$ 80 milhões.

A ação integra um amplo processo de restauração  do centro, que tem como objetivo incentivar a sua ocupação e seu uso. Um dos paulistanos que considera o projeto interessante é o advogado Ronaldo Engracia, proprietário de um escritório próximo à Praça das Artes. Ele passou nesta sexta-feira (26) pela tenda de atendimento da Prefeitura, instalada no local por meio da SPObras, responsável pelas construções, para saber mais sobre o projeto.

“O Vale vai ficar muito bom. Achei importante o sistema de aproveitamento da água da fonte. Também será um espaço bacana para os artistas de rua se apresentarem”, afirmou.

As áreas ajardinadas, os estabelecimentos comerciais e os muitos bancos mostrados no banner sobre como o local ficará em breve, chamaram a atenção da operadora de telemarketing Aline Leal.

“O centro da cidade vai ganhar um novo ar. O Vale será um ponto turístico, terá uma iluminação melhor. Será um lugar gostoso para passear”,  disse.

Informações à população

Por meio da SPObras, a Prefeitura está em contato permanente com os moradores e comerciantes do entorno, com o objetivo de amenizar os impactos resultantes da intervenção. Foi estruturado um Programa de Comunicação Social do empreendimento, que tem como objetivo estabelecer  relacionamento com a comunidade afetada pelas reformas.

Como parte deste trabalho, foram montadas no Vale do Anhangabaú duas tendas de atendimento presencial à população, com atendentes capacitados para prestar informações sobre o empreendimento e receber  suas dúvidas. 

A partir da próxima segunda-feira (29) uma delas estará no Viaduto do Chá, do lado oposto ao Shopping Light. A segunda permanecerá em frente à Praça das Artes. O horário de atendimento em ambas será de segunda a quinta-feira, das 10h às 16h, e às sextas-feiras, das 10h às 15h.

Desde 13 de junho, quando as obras tiveram início, até 19 de julho, foram atendidas 1.790 pessoas nas tendas de informação e recebidas 53 fichas de atendimento contendo sugestões, críticas ou dúvidas que não puderam ser sanadas durante o atendimento presencial.  Para esses casos, a SPObras disponibilizou um profissional para dar retorno ao munícipe após apurada a informação necessária. Neste período também foram distribuídos 3.195 panfletos informativos na região com os principais elementos da requalificação e com a disponibilização de um e-mail para que a população esclareça suas dúvidas.

Sobre a requalificação

Após as reformas, o Vale contará também com  bebedouros, lixeiras, praça de esporte e mirante.  O novo projeto proporcionará conexões com estações de Metrô, terminais, linhas de ônibus e com os espaços culturais da cidade (teatros, museus e cinemas).  Um novo pavimento, adequado aos critérios de acessibilidade e de sinalização, vai recuperar o eixo da Avenida São João.

Os fios da rede de energia e de telecomunicações serão enterrados e reordenados em novas galerias. A iluminação do local, que será automatizada com sistema de LED, irá contribuir com a segurança, proporcionará claridade e economia de energia.

Além das árvores já existentes serem preservadas e valorizadas, serão criadas marquises verdes ao longo da Avenida São João e das ruas Anhangabaú e Formosa.

Ações do documento

Vídeos

Construindo Histórias - Educomunicação

Ver agenda completa