Notícias

Usuários dos Cedesps terão transporte gratuito para frequentarem cursos

Medida foi publicada no Diário Oficial e vai beneficiar mais de 12 mil usuários matriculados nos 61 serviços espalhados por todas as regiões da cidade

De Secretaria Especial de Comunicação

Uma parceria entre a Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS) e a São Paulo Transporte (SPTrans) irá garantir passagens gratuitas a todos os usuários dos Centros de Desenvolvimento Social e Produtivo (Cedesp) da cidade de São Paulo. O anúncio foi feito pelo prefeito Ricardo Nunes na tarde desta sexta-feira (24), em solenidade na Obra Social Dom Bosco, na Zona Leste da capital.

O prefeito Ricardo Nunes apontou que muito alunos acabavam desistindo dos cursos, pois não tinham condições de pagar o transporte. “Para conseguirmos assumir isso, é preciso que a gente tenha uma saúde financeira. E a cidade hoje tem condições. O transporte para 12.020 pessoas dos 61 Cedesps custará R$ 2,2 milhões por mês”, esclareceu.

Uma portaria autorizando a medida foi publicada no Diário Oficial de ontem, quinta-feira (23). A concessão é um benefício para que todos os usuários consigam ir até o Cedesp. Eles receberão um bilhete único com passagens mensais de transporte até o equipamento. Todos os 12.020 usuários inscritos nos 61 serviços espalhados pela cidade terão direito ao benefício, e a solicitação pode ser feita diretamente no serviço onde o usuário está matriculado.

Segundo o secretário adjunto da SMADS, Décio Matos, trata-se de uma demanda histórica e que só foi possível com muita articulação. “Investir na formação dos jovens, especialmente daqueles que estão em risco e vulnerabilidade social, na conquista dessa autonomia é o que faz uma cidade cada vez melhor. O Cedesp tem essa característica. Ele assegura que essa formação profissional venha também configurada com o apoio de diversos outros fatores”, destacou.

Os Cedesps oferecem diversos cursos profissionalizantes para capacitar adolescentes, jovens e adultos para mercado de trabalho, e para a integração social e fortalecimento de vínculos.

“O Bruno [Covas] esteve aqui e prometeu que iria conseguir esse direito. O Ricardo [Nunes] transformou a palavra em atitude e hoje nós temos esse direito”, celebrou padre Rosalvino, fundador e diretor presidente da Obra Social Dom Bosco, que mantém diversos Cedesps em parceria com a SMADS.

Cedesp

Os Centros de Desenvolvimento Social e Produtivo são serviços para adolescentes, jovens e adultos de 15 a 59 anos. É um espaço de referência para o desenvolvimento de ações socioeducativas, que visa ofertar proteção social para usuários em situação de vulnerabilidade e risco social.

Por meio do fortalecimento de vínculos familiares e comunitários, o serviço assegura espaços de referência para o convívio grupal, comunitário e social, oportunizando o desenvolvimento de relações de afetividade, solidariedade e respeito mútuo. No serviço, os usuários desenvolvem autonomia, protagonismo social e formação cidadã e ainda fazem cursos de formação profissional que ajudam no reconhecimento no mercado de trabalho.

SECOM - Prefeitura da Cidade de São Paulo
Telefones: 3113-8835/ 3113-8831
E-mail: imprensa@prefeitura.sp.gov.br
Acervo de vídeos: https://shre.ink/YYP
Sala de imprensa: imprensa.prefeitura.sp.gov.br

Ações do documento

Vídeos

Construindo Histórias - Educomunicação

Ver agenda completa