Notícias

Unidades do Cate atenderam mais de seis mil pessoas na última semana

Prefeitura reabriu 13 postos da rede de atendimento nas regiões periféricas da capital desde 29 de abril

De Secretaria Especial de Comunicação

Mais de 6.200 pessoas passaram pelas 13 unidades do Cate – Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo da Prefeitura de São Paulo na última semana. Os dados representam um aumento de 48% em relação à primeira semana de maio. O atendimento nas unidades está voltado para o requerimento do auxílio emergencial do governo federal e para a habilitação do seguro-desemprego. Os serviços ocorrem somente com agendamento prévio pela central 156 ou pela internet no site https://sp156.prefeitura.sp.gov.br.

“O aumento da procura reflete o acerto na retomada do atendimento do Cate para ajudar a população, que estava passando por dificuldades para acessar os benefícios. É importante reforçar para quem realiza o agendamento e consegue resolver o problema antes de ir ao posto, que cancele a data no 156. A taxa de desistência está em torno de 36%, aumentando o tempo de espera para outras pessoas, que também têm urgência em ter o recurso financeiro”, orienta a secretária de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Aline Cardoso.

Nos Cates o cidadão que busca pelo auxílio emergencial pode apenas contar com a ajuda para requerer o benefício. “Não fazemos nenhum tipo de pagamento ou outros encaminhamentos para resolver problemas das pessoas que aguardam por análise do auxílio emergencial. Mas com essa iniciativa verificamos que muitos passaram pelas filas da Caixa Econômica Federal e poderiam ter resolvido as questões sem sair de casa, evitando também o risco do contágio pelo coronavírus”, argumenta Aline Cardoso.

Os 13 Cates reabertos já ultrapassaram os 11 mil atendimentos desde que retomou o atendimento em 29 de abril. Com unidades em quatro regiões da capital e capacidade para chegar a 2 mil atendimentos diários, o serviço já contabiliza mais de 47 mil agendamentos pela central e portal do 156.

No atendimento presencial, é necessário apresentar todos os documentos orientados pela central 156. Na chegada do cidadão, é confirmado se consta na lista de pessoas agendadas e conferidos os documentos. Quem for atendido nas 13 unidades do Cate encontrará os postos seguindo as recomendações dos órgãos de saúde para o distanciamento social em filas e assentos, além do uso obrigatório de máscaras pelas equipes técnicas e usuários. No local, é oferecido álcool em gel e máscaras descartáveis, caso a pessoa chegue ao local sem a proteção.

Tanto o seguro-desemprego quanto o auxílio emergencial podem ser feitos sem sair de casa para pessoas que dispõem dos recursos tecnológicos e sabem utilizar os aplicativos. O serviço é gratuito pelos sites do seguro-desemprego https://www.gov.br/pt-br/servicos/solicitar-o-seguro-desemprego e do auxilio emergencial https://auxilio.caixa.gov.br/.

Documentos a serem apresentados nas unidades do Cate:

Para quem agendou serviços de Seguro Desemprego:

Para o Trabalhador Doméstico:

1. Documento de Identificação com foto (original ou cópia autenticada)

2. Número do CPF - Cadastro de Pessoa Física;

3. Carteira de Trabalho, com a anotação do contrato de trabalho (versão em papel ou versão digital);

4. Cartão do PIS (Programa de Integração Social), extrato atualizado ou Cartão Cidadão;

5. Termo de Rescisão do Contrato de Trabalho (TRCT), devidamente acompanhado do Termo de Quitação ou de Homologação.

Para o Trabalhador Formal:

1. Documento de Identificação com foto (original ou cópia autenticada)

2. Número do CPF - Cadastro de Pessoa Física;

3. Carteira de Trabalho, com a anotação do contrato de trabalho (versão em papel ou versão digital);

4. Cartão do PIS (Programa de Integração Social), extrato atualizado ou Cartão Cidadão;

5. Termo de Rescisão do Contrato de Trabalho (TRCT), devidamente acompanhado do Termo de Quitação ou de Homologação.

6. Documento de levantamento dos depósitos do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), ou comprovante de saque do FGTS;

7. Requerimento do Seguro-Desemprego (em duas vias, emitido pela empresa, pelo aplicativo Empregador Web).

Para quem agendou a solicitação do Auxílio Emergencial:

1. Documento de Identificação com foto;

2. Número do CPF;

3. Aparelho de celular com numero ativo para recebimento do código de validação.

4. Caso não seja o único solicitante de seu grupo familiar, apresentar também o número de CPF e data de nascimento das pessoas que compõem seu grupo familiar

Unidades do Cate com atendimento emergencial, das 8h às 17h:

Zona Norte

Cate Brasilândia - Av. João Marcelino Branco, 95

Cate Jaçanã - Rua Luis Stamatis, 300

Cate Perus - Rua Ylídio Figueiredo, 349

Cate Santana - Av. Tucuruvi, 808

Zona Sul

Cate Cidade Ademar - Av. Yervant Kissajikian, 416

Cate Interlagos - Av. Interlagos, 6122

Cate Jabaquara - Av. Eng. Armando de Arruda Pereira, 2314

Zona Leste

Cate Cidade Tiradentes - Rua Milagre dos Peixes, 357

Cate Itaquera - Rua Augusto Carlos Bauman, 851

Cate Sapopemba - Av. Sapopemba, 9064

Cate Itaim Paulista - Av. Marechal Tito, 3012

Cate São Mateus - Av. Ragueb Chohfi, 1400

Zona Oeste

Cate Butantã - Rua Doutor Ulpiano da Costa Manso, 201

Internet

Seguro-Desemprego

https://www.gov.br/pt-br/servicos/solicitar-o-seguro-desemprego

Auxilio Emergencial do Governo Federal

https://auxilio.caixa.gov.br/

Ações do documento