Notícias

Trilhos de bonde encontrados no Vale do Anhangabaú serão preservados

Parte do material será restaurado e colocado em exposição, em local que ainda será discutido com órgãos de conservação arqueológica e preservação histórica

De Secretaria Especial de Comunicação

Parte dos  trilhos do sistema de bondes na Capital que foram encontrados sob a calçada da Avenida São João, durante a revitalização do Vale do Anhangabaú, será preservada. Uma parte dos trilhos desativados há cinco décadas passarão por restauração e serão colocados em exposição.

Tanto a revitalização quanto o local onde o material ficará à mostra deverão ser  decididos em conjunto com os órgãos de preservação envolvidos com a questão arqueológica: Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico (IPHAN) e o Departamento de Patrimônio Histórico (DPH).

O mesmo processo foi realizado com os trilhos encontrados na Avenida Adolfo Pinheiro, em Santo Amaro (linha Lilás do Metrô)  e na Rua Teodoro Sampaio, em Pinheiros, durante as obras de reforma do Largo da Batata, em 2015.

As escavações no Vale do Anhangabaú estão sendo monitoradas por profissionais competentes quanto à existência de outros  itens históricos no local.

“O Anhangabaú é um grande marco, o início da cidade. Vamos acompanhar a remoção e, caso encontremos resquícios arqueológicos, a obra será paralisada, temporariamente. Precisamos pensar no futuro, mas sem destruir nosso passado, enfatizou a arqueóloga Débora Leonel Soares.

De acordo com a especialista, caso isso aconteça, será feito o resgate emergencial do material, que será fotografado, registrado e catalogado.

Ações do documento

Vídeos

SPLICA - Cinema com o Spcine Play

Ver agenda completa