Notícias

SMT realiza último workshop sobre o Plano Cicloviário de SP

Décimo encontro vai abordar a malha existente e a proposta de expansão na área da Subprefeitura Sé. Na próxima semana começam as audiências públicas

De Secretaria Especial de Comunicação

A Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes (SMT) e a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) promovem, neste sábado (18/5), a partir das 10h, o último workshop sobre o Plano Cicloviário da cidade de São Paulo. O evento reunirá, na sede da SMT/CET, técnicos da Prefeitura e representantes de entidades ligadas ao cicloativismo, para analisar em conjunto a malha existente no território da Subprefeitura Sé.

Entre novembro de 2018 e maio de 2019, nove workshops já foram promovidos pelo Poder Público, abrangendo todas as regiões e subprefeituras da capital paulista. A primeira oficina temática ocorreu em 10/11 do ano passado, no Museu Brasileiro da Escultura e Ecologia (MuBE).

Os encontros tiveram a finalidade de coletar sugestões para aperfeiçoar a proposta final do Plano Cicloviário. É a oportunidade de os ciclistas apresentarem sua análise da rede na região estudada e trocar conhecimentos com o corpo técnico da CET. A ideia surgiu a partir de uma demanda da Câmara Temática da Bicicleta, do Conselho Municipal de Transporte e Trânsito (CMTT).

Os workshops têm sido marcados por dinâmicas conduzidas com apoio da Iniciativa Bloomberg para a Segurança Global no Trânsito, que também auxilia na compilação dos dados coletados durante as oficinas.  

Na última oficina, além de diagnosticar a estrutura cicloviária da Sé, será feita a contextualização das principais resoluções debatidas nos workshops anteriores, encerrando assim mais esta etapa.

Vale lembrar que a proposta do novo Plano Cicloviário foi apresentada pela Prefeitura em agosto de 2018, em conformidade com os princípios do Programa Vida Segura (plano de segurança viária que está sendo adotado por São Paulo), que por sua vez adota o conceito de Visão Zero, para o qual nenhuma morte é aceitável no trânsito.

Audiências públicas

Com o encerramento dos workshops, começa a fase de audiências públicas, etapa prevista em lei para a instalação de novas vias para bicicletas. Os encontros serão realizados de 23 de maio a 27 de junho, em todas as regiões da cidade, a fim de colher as contribuições da população. Serão dez audiências no total, agrupadas por subprefeituras.

O Plano de Metas para o Biênio 2019/2020 prevê a implantação de 173,3 km de infraestrutura cicloviária voltados para conexões da malha existente, além da requalificação de 310,6 km de ciclovias e ciclofaixas já sinalizadas.

A primeira audiência ocorrerá na próxima quinta-feira (23/05), na Subprefeitura Freguesia/Brasilândia. A iniciativa atende à exigência da Lei Municipal Nº 16.885/2018, de 2018, que determina que a implantação de vias exclusivas para bicicletas deve ser precedida de audiência pública.

Novo contador de bicicletas

Ainda durante o workshop do dia 18, será anunciada a instalação, pela CET, de um novo contador de bicicletas em São Paulo, alocado na ciclovia da Avenida Dr. Gastão Vidigal, entre as ruas Hassib Mofarrej e Xavier Kraus, na Zona Oeste. Com esse equipamento, São Paulo passará a ter três contadores de bicicletas ativos (os outros dois estão nas ciclovias da Rua Vergueiro e da Av. Brigadeiro Faria Lima).

O novo contador ficará durante um ano na Gastão Vidigal e depois será realocado para a Radial Leste (Rua Melo Freire, próximo à rua Apucarana).

Desde que os equipamentos de contagem na Vergueiro e na Faria Lima foram implementados, em janeiro de 2016, mais de 6 milhões de viagens de bicicletas foram registradas ao longo dessas duas ciclovias.

A aquisição do novo contador faz parte da Parceria para Cidades Saudáveis, programa da Bloomberg Philanthropies. A ação conta ainda com a parceria da OMS (Organização Mundial de Saúde) e da Vital Strategies. O programa da Bloomberg viabilizou a continuidade da transmissão automática de contagem de ciclistas e a manutenção dos outros dois contadores existentes.

Ainda através da Parceria para Cidades Saudáveis, a Prefeitura e a CET viabilizaram no ano passado a instalação das primeiras placas de orientação para ciclistas na região central de São Paulo. No total, 558 placas foram instaladas no Centro e na Lapa, para incentivar a mobilidade ativa por meio da sinalização direcionada a quem utiliza a bicicleta para se deslocar pela cidade.

As contagens de ciclistas nas ciclovias Vergueiro e Faria Lima podem ser acompanhadas online através deste link: http://www.cetsp.com.br/consultas/bicicleta/contadores-de-bicicletas.aspx

SERVIÇO:

EVENTO:  Oficina Participativa do Plano Cicloviário – Subprefeitura da SÉ e Fechamento com a apresentação dos resultados de todas as oficinas

DATA/HORÁRIO: sábado, 18 de maio, a partir das 10h

LOCAL: Auditório da CET – Centro

ENDEREÇO: Rua Barão de Itapetininga, 18 – Térreo   

Ações do documento

Vídeos

Como solicitar o tapa-buraco

Ver agenda completa