Notícias

Réveillon na Paulista 2018 terá shows de Claudia Leitte, Sambô e Latino

Palco montado entre as ruas Bela Cintra e Haddock Lobo terá um cenário em linhas modernas, com painéis de LED de alta definição

De Secretaria Especial de Comunicação

O Réveillon da Avenida Paulista, uma das mais tradicionais festas de Ano Novo do país, reunirá no palco atrações como Claudia Leitte, Sambô e Latino, além da apresentação de um DJ. A festa é uma realização da Prefeitura de São Paulo, por meio da São Paulo Turismo (SPTuris), com produção da Playcorp, patrocínio da Sabesp – com apoio cultural da Lei de Incentivo à Cultura e Ministério da Cultura – e copatrocínio da Caixa Econômica Federal.

O palco terá um cenário em linhas modernas, com painéis de LED de alta definição que reproduzirão conteúdos exclusivos e diferentes em todas as apresentações. Além disso, canhões de laser coloridos vão iluminar a avenida. Esta edição do Réveillon na Paulista quer estreitar ainda mais o relacionamento com o público. Quem estiver na avenida poderá enviar mensagens de paz e positividade no Facebook do evento: @revnapaulista, com a hashtag #revnapaulista2018. Estas declarações serão projetadas nos painéis do palco.

A festa tem abertura prevista para 20h do dia 31 e segue até as 2h30 do dia 1º. O palco do espetáculo ficará em um novo local da Avenida Paulista: entre as ruas Bela Cintra e Haddock Lobo.

A iluminação será especial e contará com mais de 500 mil watts de potência, além de 1 milhão de watts de som ao longo da avenida. Pessoas que estiverem a um raio de mais de dois quilômetros poderão curtir cada momento da festa. O show pirotécnico terá duração de cerca de 15 minutos.

SEGURANÇA E INFRAESTRUTURA

Ao todo, 150 toneladas de ferro, aço e alumínio serão utilizadas no palco e nas estruturas ao longo da Paulista. Haverá ainda 20 geradores para os 4 milhões de watts necessários para alimentar as torres espalhadas pela avenida, toda a estrutura do palco e os painéis de LED.

Para garantir a segurança do evento, mais de 3 mil pessoas vão atuar na montagem e desmontagem das estruturas e na realização dos shows. Haverá ainda centenas de agentes da Polícia Militar, Guarda Civil Metropolitana, Companhia de Engenharia de Tráfego e seguranças particulares. Os profissionais têm apoio de viaturas, motocicletas, bases comunitárias, além de câmeras instaladas em pontos estratégicos da avenida.

SERVIÇOS

Para proporcionar conforto e praticidade aos visitantes, 80 pontos de alimentação irão garantir opções para comer e beber. Além disso, os participantes terão à disposição cerca de 400 banheiros químicos e 6 postos médicos equipados com UTI móvel, médicos e enfermeiros em pontos estratégicos. Pessoas com mobilidade reduzida também terão lugar garantido, posicionados próximo ao palco com acesso pela lateral da Rua Haddock Lobo.

HISTÓRICO

O Réveillon na Paulista foi criado em 1996, com o objetivo de oferecer uma opção de entretenimento em um período de confraternização. A partir de 2001, a festa entrou para o calendário oficial da cidade. A primeira versão contou com a presença de 200 mil moradores e visitantes. 

Leia também
93ª edição da Corrida Internacional de São Silvestre leva à alteração de 83 linhas de ônibus
Réveillon na Paulista leva SPTrans a desviar 23 itinerários neste domingo
Avenida Paulista será interditada para Festa de Réveillon
Confira o funcionamento do programa Ruas Abertas na Avenida Paulista no fim do ano

São Paulo na TV

Festa da Cidade - SP 464 ANOS

Ver agenda completa