Notícias

Retomada de atendimento presencial nas praças das subprefeituras segue critérios de higiene e segurança

Até o momento, 18 das 32 praças já voltaram a atender, de forma agendada, os munícipes que precisam de serviços da Prefeitura

De Secretaria Especial de Comunicação

Desde o início de julho, 18 das 32 praças de atendimento instaladas nas subprefeituras da capital já voltaram a atender, de forma gradativa, os munícipes que precisam de serviços da Prefeitura. Antes de efetuar a abertura, as praças precisam atender a todas as medidas restritivas e os protocolos de biossegurança previstos no decreto nº 59.511, de 9 de junho de 2020.

Entre as medidas obrigatórias estão a redução do período de atendimento, que passa a ser de 4 horas diárias, sempre das 10h às 14h, e apenas com agendamento prévio feito por meio da Central SP156 e pelo sp156.prefeitura.sp.gov.br.

O munícipe que precisar de serviços como desbloqueio de Senha WEB (Pessoa Física e MEI), validação de Inscrição de CCM (Pessoa Física), recebimento de Protocolo de Atualização Cadastral de IPTU e autuação de processos em geral só precisa agendar o atendimento e se dirigir até a unidade escolhida, no máximo, 15 minutos antes do seu horário, portanto os documentos necessários e usando máscara.

As praças que voltaram a atender presencialmente e cumprem os protocolos são: Aricanduva, Cidade Tiradentes, Freguesia/ Brasilândia, Itaquera, Cidade Ademar, Vila Prudente, Parelheiros, Vila Mariana, Jaçanã/ Tremembé, Ermelino Matarazzo, Perus, Guaianases, Pinheiros, Casa Verde, Ipiranga, M’Boi Mirim, Sé e Santo Amaro. As outras praças estão processo de adequação e voltarão, de maneira gradual, a atender a população de forma presencial.

“Para fazer a reabertura da praça de atendimento, adotamos várias medidas. Uma delas é disponibilizar álcool em gel para os munícipes que vêm fazer o atendimento na praça. Mantemos o distanciamento mínimo de 1,5 metro e só atendemos mediante o agendamento”, explica o chefe da Praça de Atendimento da Subprefeitura Pinheiros, Samuel Ferreira.

Além do agendamento prévio, são adotadas medidas como o aferimento de temperatura das pessoas na entrada das subprefeituras, uso obrigatório de máscara, disponibilização de álcool em gel em diversos pontos e medidas de distanciamento social entre as equipes das subs e os cidadãos, que sempre ficarão a pelo menos 1,5 metro de distância das outras pessoas, dentro das unidades.

 

Ações do documento