Notícias

Região da Sé recebe segunda fase do DIA D de limpeza e higienização

Ação, realizada também em outros pontos da cidade para ajudar a combater a pandemia de covid-19, contou com 1.152 profissionais

De Secretaria Especial de Comunicação

A Prefeitura, por meio das secretarias municipais de Saúde (SMS), das Subprefeituras (SMSUB) e da Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (Amlurb) promoveu nesta quinta-feira (21), na região da Sé, a segunda fase da operação especial de limpeza contra a covid-19. Além do Centro, outros endereços das 32 subprefeituras do município receberam higienização em seus estabelecimentos e serviços de saúde.

A ação, realizada em diversos pontos da cidade, contou com 1.152 agentes de limpeza. Fazem parte da listagem Assistências Médicas Ambulatoriais (AMAs), Centros de Atenção Psicossocias (CAPS), Centros de Referência Saúde do Trabalhador (CRSTs), Prontos Atendimentos (PAs), Prontos Socorros Municipais (PSMs), Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), entre outros.

"Devido à pandemia nossas equipes têm realizado, em média, a limpeza de 40 endereços. Usamos cerca de mil litros de água por unidade com desinfetante, cloro e sabão", explicou Jansei Santos Conceição, responsável pela higienização na área do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) Infantojuvenil III, localizado na Rua Diamante, na Aclimação.

Primeira fase

No começo deste mês, a cidade recebeu a primeira fase do dia "Dia D". Mais de 800 endereços, no entorno de estabelecimentos e serviços públicos de saúde, receberam higienização e limpeza das vias. Ao todo, 1.152 agentes participaram da atividade, que coletou 30,6 toneladas de resíduos, utilizou 17.6 mil litros de hipoclorito de sódio e 761m³ de água de reúso.

Ações do documento