Notícias

Prefeitura recebe doação de sistema para monitoramento de veículos

Empresa Sat Company ofereceu 1.500 rastreadores em comodato. Com eles, será possível economizar recursos e aumentar a transparência do uso dos automóveis

De Secretaria Especial de Comunicação

A Prefeitura recebeu, nesta segunda-feira (13), a doação sem contrapartidas de serviços de rastreamento e monitoramento de veículos da empresa Sat Company, até o ano de 2020, no valor de R$ 5.632.800.

Os 1.500 rastreadores, cedidos em comodato, serão utilizados na frota própria da Prefeitura, em carros que atendem principalmente às atividades das secretarias de Prefeituras Regionais, Saúde, Educação e Assistência e Desenvolvimento Social. Automóveis utilizados para serviços de limpeza, poda de árvores e outros serviços também podem receber o sistema.

Com o rastreamento, a Prefeitura poderá identificar eventuais casos de mau uso, saber onde estão os veículos, em que velocidade trafegam e para qual fim estão sendo usados. Além de otimizar o uso da frota, aumentar a eficiência e a transparência no uso dos automóveis, com os rastreadores é possível obter o registro do histórico das rotas, compor relatórios e realizar auditorias internas com mais facilidade. “Ganharemos em eficiência logística, com uso mais estratégico e certamente a inibição do uso de veículos de maneira equivocada”, afirma Paulo Uebel, secretário de Gestão.

Economia de recursos

Atualmente, a Prefeitura conta com uma frota de 2.522 veículos próprios e 1.785 locados e está trabalhando para reduzir o número de automóveis próprios e devolver os alugados. Até o fim deste ano, vai desmobilizar cerca de 1.300 veículos, entre os devolvidos nos contratos vigentes e a venda dos carros próprios. A economia potencial prevista será de aproximadamente R$ 100 milhões por ano. Equipamentos que atendem à população não serão afetados, como ambulâncias e a frota da Guarda Civil.

Outra medida adotada para viabilizar a redução de custos é a utilização, desde o mês de julho, do aplicativo da 99 Táxis, para o transporte de agentes públicos da administração direta e indireta. A empresa foi a vencedora da licitação e apresentou o menor preço por quilometragem (R$ 2,46 por km).

São Paulo na TV

Programa Alimento Saudável - SME

Ver agenda completa