Notícias

Prefeitura promove a 8ª Edição do Festival dos Direitos Humanos

Cine-debates, filmes e intervenções artísticas e culturais, além de oficinas temáticas, serão realizadas por plataforma digital até sexta-feira (11)

De Secretaria Especial de Comunicação

Começa nesta segunda-feira a 8ª edição do Festival de Direitos Humanos da Prefeitura, que tem como tema principal as “Desigualdades Sociais – Reflexões e Práticas na Educação em Direitos Humanos”. A garantia dos Direitos Humanos é condição primordial para uma sociedade justa e inclusiva e uma questão essencial no desenvolvimento do processo civilizatório do ser humano com espécie. 

Durante o festival, que vai desta segunda-feira (7) até sexta-feira (11) , estão programadas mesas, cine-debates, filmes e intervenções artísticas e culturais, além de oficinas temáticas, exclusivamente por plataforma digital, por força da situação de emergência instituída por decreto municipal que impede eventos de aglomeração pública.

“Infelizmente há um processo de desinformação que coloca a questão dos Direitos Humanos como algo menor, voltado para grupos. Os direitos humanos são para todas as pessoas e se as políticas são voltadas para grupos específicos, é somente porque há grupos específicos que são mais vulneráveis a violações de seus direitos,” afirma a secretária municipal de Direitos Humanos e Cidadania, Claudia Carletto.

O Departamento de Educação em Direitos Humanos da Secretaria é o responsável pela organização do Festival e pela elaboração do conteúdo programático do evento. “O Festival desse ano foi organizado de uma forma para que todos nós possamos nos reconectar à essência do que são os direitos humanos. Discussões como essa são essenciais para que se crie um ambiente frutífero de reflexão, que resulte em boas práticas para a redução das desigualdades em todos os aspectos”, Cássio Rodrigo de Oliveira Silva, coordenador de Educação em Direitos Humanos da SMDHC.


O Festival de Direitos Humanos é realizado anualmente pela Prefeitura em alusão ao Dia Internacional dos Direitos Humanos (10/12). Previsto em lei e parte do Calendário de Eventos da Cidade, cabe à Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania promover o evento, criado para disseminar a cultura dos direitos humanos e da paz.

Em uma parceria com o Programa Agentes do Governo Aberto, serão promovidas oficinas relacionadas a temas como transparência, inovação, participação popular e integridade. A edição de 2020 conta também com a parceria da Universidade São Judas Tadeu, pelo programa de extensão “Educação em Direitos Humanos”.

O Dia Internacional dos Direitos Humanos (10/12) foi oficializado pela Assembleia das Nações Unidas, por ocasião da Declaração Universal dos Direitos Humanos, em 1948, documento elaborado com o objetivo de consolidar uma base internacional sobre o tema, em resposta à situação criada pela Segunda Guerra Mundial.

SERVIÇO

8º Festival de Direitos Humanos - “Desigualdades Sociais: Reflexões e Práticas na Educação em Direitos Humanos”
7 a 11 de dezembro de 2020
As atividades ocorrerão de forma virtual e os links de acesso serão disponibilizados em breve.
Confira  a programação pelo link https://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/direitos_humanos/noticias/index.php?p=305543

Ações do documento