Notícias

Prefeitura inicia retomada das obras na Unidade de Pronto Atendimento UPA (UPA) Jabaquara

Equipamento auxiliará no atendimento da população da região, além de desafogar o Hospital Municipal

De Secretaria Especial de Comunicação

A Prefeitura de São Paulo iniciou a retomada das obras para construção da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Jabaquara, na Rua Cruz das Almas, anexo ao Hospital Municipal, na Zona Sul da capital. O prefeito Bruno Covas e o secretário municipal de Saúde, Edson Aparecido, vistoriaram a área na manhã desta quarta-feira (03/06). A unidade contará com 20 novos leitos e auxiliará no atendimento de saúde de média complexidade, agregando aos serviços da rede de atenção básica e hospitalar da região.

Segundo o prefeito Bruno Covas a retomada da obra no Jabaquara contará com um investimento de R$ 4,7 milhões para ser concluída. O trabalho contará com recursos da Prefeitura de São Paulo e do Governo Federal e a expectativa é conseguir entregar a nova UPA ainda este ano. “Essa é a sexta UPA que nós retomamos. As seis foram licitadas em 2014 e as obras foram paradas em 2016. Aqui (Jabaquara) nós tínhamos praticamente R$ 2,1 milhões enterrados que não foram revertidos para população”, explicou Bruno Covas.

A UPA Jabaquara terá aproximadamente 2 mil m² com dois pavimentos e será equipada com 7 leitos de urgências, sala de ortopedia, raio-x, sala de gesso, suturas, esterilização e expurgo, triagem, 6 consultórios médicos, 1 consultório odontológico, sala de medicação, 7 poltronas de inalação adulto e 7 infantis, coleta de exames, sala de eletro cardiograma, 2 salas de avaliação, 14 leitos de observação adulto e 4 infantil e 2 salas de isolamento. Além disso, contará com farmácia, serviço social, ouvidoria e áreas administrativas. Também possuirá aquecimento solar e utilizará água de reuso.

O prefeito Bruno Covas lembrou que, caso o equipamento fosse concluído em 2016, os leitos poderiam ser convertidos em UTI, nesse momento, para facilitar o atendimento da população em decorrência da pandemia do covid-19. “O Jabaquara é um dos bairros da cidade com maior concentração de comunidades. Aqui na cidade de São Paulo, o coronavírus mata 10 vezes mais na periferia por uma série de problemas. O vírus escancara a divergência que nós temos de tratamento entre a população mais rica e a população mais pobre da cidade”, afirmou Covas.

A obra faz parte da retomada de seis unidades de Pronto Atendimento (UPA) na capital. As outras UPA’s com obras retomadas estão nas regiões de Parelheiros, Mooca, Cidade Tiradentes, Vila Mariana e City Jaraguá. As unidades atenderão com portas abertas, 24 horas, todos os dias.

Atualmente, a cidade já conta com 14 UPA’s em funcionamento, das quais seis foram entregues entre 2019 e 2020.

Todas as obras serão realizadas por empresas licitadas pela Secretaria de Infraestrutura Urbana e Obras (SIURB) e estão inseridas no Programa Avança Saúde SP, resultado de acordo entre a Prefeitura e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Ações do documento