Notícias

Prefeitura e Governo do Estado divulgam ações para reduzir transtornos das chuvas

Balanço foi apresentado nesta sexta-feira, no Palácio dos Bandeirantes

De Secretaria Especial de Comunicação

Desde o último domingo, quando um temporal atingiu a cidade, a Prefeitura de São Paulo e o Governo do Estado de SP articulam ações conjuntas preventivas e corretivas para reduzir os transtornos das enchentes. Nesta sexta-feira (14), secretários municipais e estaduais se reuniram com o governador João Doria para divulgar um balanço com as principais medidas adotadas.

“Planejamento, organização e comunicação. Planejamento estruturando todas as secretarias nesta contingência, com boa comunicação à opinião pública ajuda e minimiza o efeito das chuvas. São ações coordenadas do Governo do Estado com os prefeitos para que tudo funcione melhor e sejam articuladas para defender e dar assistência às pessoas que sofrem com as consequências das chuvas ”, disse o governador João Doria

Os secretários municipais Mauro Ricardo (Governo), Alexandre Modonezi (Subprefeituras) e Cel. José Roberto (Segurança Urbana) apresentaram as principais medidas estruturantes desenvolvidas e reforçadas desde a madrugada do último domingo (09), quando cidade de São Paulo teve o dia mais chuvoso desde 1995, de acordo com Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE). 

Na ocasião, o prefeito Bruno Covas criou um Comitê de Crise, com a participação de agentes do Governo do Estado, para agir rapidamente. As equipes foram às ruas acompanhar as situações nos pontos de alagamento e locais que ofereciam risco à população. “A capacidade hoje da ação da Prefeitura em conjunto com o Governo do Estado foi fundamental e demonstrada em ações rápidas que nós tivemos. Foram mais de 20 mil homens trabalhando em limpeza pública, na área da Saúde e Assistência Social, ajudando as pessoas que foram acometidas por esse evento”, destacou o secretário Mauro Ricardo Machado Costa

Mauro Ricardo também destacou que o trabalho não começou agora. “Desde o término do período chuvoso de 2019, quando limpamos todos os córregos, bocas de lobo e nos 32 piscinões da cidade, justamente para melhorar a drenagem e prevenir o que poderia ocorrer no exercício de 2020”, disse. Apenas em 2019 foram retiradas 79 mil toneladas de detritos dos córregos da cidade. 

O secretário municipal das Subprefeituras, Alexandre Modonezi, também destacou a importância de um trabalho coordenado e articulado para a não ocorrência de óbitos. “Nós investimos em zeladoria, com a limpeza de córregos, piscinões, fazendo a manutenção de todas as bombas, em uma recuperação de todo o sistema de drenagem da cidade. Também tivemos uma ação efetiva da Defesa Civil, que removeu mais de 10 mil pessoas de áreas de risco, evitando as mortes”, disse o secretário.

 

SP+ Segura
Durante a coletiva, também foi destacada a importância do aplicativo SP + Segura, uma ferramenta que fornece informações para a população em dias de chuva. Lançado pela Secretaria Municipal de Segurança Urbana para facilitar o acesso à informação em tempo real, nele, os usuários podem avisar uns aos outros sobre ocorrências que acontecem na cidade.  

Conhecido como “waze da segurança”, o app, desenvolvido para aparelhos celulares, ajuda o munícipe a enviar informações sobre o que está acontecendo na cidade por meio de texto; fotos ou vídeos. Ainda existe a opção de ligar para o órgão público responsável para acioná-lo, quando for necessário. Clique aqui e saiba mais

 

Leia também

 


Ações do documento