Notícias

Prefeitura de São Paulo realiza 14º Grito de Carnaval contra a exploração sexual de Crianças e Adolescentes

Nesta edição, o foco da iniciativa é a exploração sexual como uma das piores formas de trabalho infantil

De Secretaria Especial de Comunicação

A Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS), por meio da Comissão Municipal de Enfrentamento à Violência, Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes (CMESCA), e com o apoio da Rede Peteca, lançam, na quinta-feira (28), a campanha “Escolha Ver: Exploração Sexual é Crime”, durante o bloco de rua conhecido como Grito de Carnaval. A ação ocorrerá às 9h, no Vale do Anhangabaú, Centro da capital.  A iniciativa, que ocorre desde 2005 no município, visa mobilizar os setores do governo e da sociedade civil acerca da problemática da violência, abuso e exploração sexual de menores, previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).                               

Nesta edição, a CMESCA organizou o ato em conjunto com a Comissão Municipal de Enfrentamento ao Trabalho Infantil (CMETI), o foco é a exploração sexual, uma das piores formas do trabalho infantil, segundo o Decreto Federal Nº 6.481 de 12 de Junho de 2008, que regulamenta os artigos 3º, alínea d, e o 4º da Convenção 182 da Organização Internacional do Trabalho (OIT), ao tratar da proibição das piores formas de trabalho infantil e ação imediata para sua eliminação.

A expectativa é que mais de mil pessoas, entre crianças, adolescentes e adultos atendidos pela rede socioassistencial, funcionários da SMADS e representantes de organizações sociais, participem do 14º Grito de Carnaval. O desfile ocorrerá pelas ruas da região central e a concentração no Vale do Anhangabaú, com apresentações artísticas, samba enredo dos grupos Unidos da Rua e Dom Bosco e a presença do DJ Valter Nu. Durante a ação haverá panfletagem com os canais de denúncia.

Programação:

9h: Início da concentração no Vale do Anhangabaú com Dj Valter Nu
10h: Abertura oficial
10h30: Apresentação Bloco Unidos da Rua
10h45: Apresentações culturais dos serviços da rede socioassistencial
11h: Apresentação Escola de Samba Dom Bosco
11h30: Percurso pelas ruas do centro
13h: Encerramento

Ações do documento