Notícias

Prefeitura capacita 4,8 mil pessoas com cursos sobre o GeoSampa

Desde 2015 o Município ensina servidores públicos e cidadãos a utilizar o principal mapa digital da cidade. No ano passado, portal registrou recorde de acessos, com mais de 1,5 milhão de visitas

De Secretaria Especial de Comunicação

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (SMDU), já capacitou quase cinco mil pessoas, entre servidores e cidadãos, com cursos sobre o Portal GeoSampa, principal mapa digital da cidade. 

Desde 2015 os cursos sobre o GeoSampa são ministrados na EMASP (Escola Municipal de Administração Pública de São Paulo) – vinculada à Secretaria Municipal de Gestão –, responsável pela formação e qualificação de cerca de 125 mil servidores municipais e que também tem a função de discutir a gestão pública com a sociedade.

Entre os diversos cursos abordados, que vão desde transparência no setor público até estratégias para alcançar o sucesso profissional, surgem dois módulos para o GeoSampa: básico e avançado.

O curso básico é destinado para servidores da Prefeitura e cidadãos interessados em consultar mapas e dados geoespaciais do município para realizar estudos, pesquisas e desenvolver projetos. Nesta categoria é apresentado ao aluno o histórico, conteúdo e principais aplicações do GeoSampa. O curso tem duração de um dia e carga horária de quatro horas.

Já o módulo avançado do GeoSampa é recomendado para funcionários públicos que já utilizam o GeoSampa em suas atividades de trabalho e tenham conhecimento sobre georreferenciamento e banco de dados. Também com carga horária de quatro horas, expõe ao interessado ferramentas mais complexas, como a inserção de elementos gráficos no mapa, dicas para elaboração de pesquisas combinadas e auxílio para construção de gráficos e importação de arquivos geográficos.

“O contato direto com quem utiliza o GeoSampa é super importante. Quem usa a plataforma acaba conhecendo novas funcionalidades, tirando dúvidas e também descobrindo como o mapa pode auxiliar ainda mais em seus trabalhos do dia a dia. Para nossa equipe, essa troca é fundamental também. O contato com o aluno permite que conheçamos suas principais necessidades na busca de informações no portal, para que a partir daí, possamos melhorar aspectos de navegação e conteúdo”, afirma Luciana Pascarelli, Coordenadoria de Produção e Análise de Informação (GEOINFO), responsável pelo GeoSampa.

Os cursos sobre o GeoSampa possuem periodicidade mensal. Quer participar? Então confira a programação completa e faça a sua inscrição aqui.

O que é GeoSampa?

O Portal Geosampa é um portal que segue as diretrizes do Plano Diretor Estratégico, reunindo dados georreferenciados sobre a cidade de São Paulo, dentre eles cerca de 12 mil equipamentos urbanos, rede de transporte público, mapas geotécnicos e importantes dados sobre a população, como densidade demográfica e vulnerabilidade social.

Todo conteúdo disponibilizado no GeoSampa é constantemente atualizado pelas secretarias responsáveis. O Portal oferece diversos tipos de informações ao usuário. Por exemplo, é possível localizar no mapa bibliotecas, museus e teatros, assim como escolas públicas, equipamentos de saúde, como hospitais e UBS (Unidade Básica de Saúde), terminais de ônibus e parques. Trata-se de uma ferramenta multifuncional, onde também é possível verificar a área do rodízio municipal, locais de risco geológico e fotos aéreas antigas. Todos esses dados estão disponíveis para download.

Em 2019, o Portal recebeu mais de 1,5 milhão de visitas, registrando, assim, o recorde anual de acessos.

Ações do documento