Notícias

Mutirão nos Bairros da Prefeitura vai a Santo Amaro

Bairro da Zona Sul recebe ações nas áreas de trabalho, saúde e assistência social, além de serviços de limpeza e zeladoria

De Secretaria Especial de Comunicação

Atualizado em 15/04/2019 às 15h15

O trecho entre as avenidas Washington Luiz e Interlagos, a partir da Avenida dos Bandeirantes até a Ponte Jurubatuba, em Santo Amaro, na Zona Sul, recebeu neste sábado (13) as ações do projeto Mutirão nos Bairros.  

Os trabalhos de zeladoria começaram no final do mês de março, na Avenida João Dias, na área entre a ponte João Dias e a Avenida Santo Amaro.  O mutirão, lançado no último sábado (6), com visita do prefeito Bruno Covas ao bairro de São Mateus, na Zona Leste, tem como objetivo atender a população com serviços de zeladoria e fornecer orientações gratuitas sobre os diversos órgãos administrados pela Prefeitura.

“Em Santo Amaro, prosseguimos com as ações do Mutirão nos Bairros, que vão se concentrar em 12 pontos da capital, com atividades de zeladoria e sociais”, disse o prefeito Bruno Covas. “É uma forma de a prefeitura cuidar da cidade e das pessoas, atendendo a demandas da população”, explicou.

A região recebeu nos últimos dias trabalhos de capinação, varrição, limpeza nas praças, postes e galerias, além da operação tapa-buraco e pintura de guias e grades das praças. Remoção de entulho, poda de árvores e troca de tampa de bueiros, assim como plantio de mudas e pavimentação dos pisos do calçadão também foram executados.

As ações intersecretariais foram concentradas na Praça Floriano Peixoto.

Vallucio Bezerra da Silva, que vive em situação de rua, teve seus documentos furtados e buscou informações, na tenda da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, sobre como ter acesso ao programa Bolsa Família. “Fui orientado a tirar novo RG e CPF, além de reunir documentos da família, para a inscrição no CadÚnico”.

Vânia Santos, com deficiência física, foi à tenda da Saúde para medir a pressão, que estava alterada. Aproveitou para se informar sobre a possibilidade de receber uma nova prótese da perna, já que a atual apresenta desgaste. “Recebi a indicação de procurar a Unidade Básica de Saúde (UBS) de Santo Amaro e solicitar encaminhamento ao Centro Especializado em Reabilitação (CER), que irá avaliar o quadro”, disse.

Há um ano, a irmã de Dirce Pintor, que também tem deficiência física, tenta adquirir um carro adaptado, em condições especiais, em função da dificuldade para se locomover na cidade. Na tenda da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência, Dirce soube que é necessário um laudo médico, que pode ser fornecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS), para conseguir a autorização. “Parece simples, espero que dê certo”, avaliou.

Saúde

A população teve acesso a vacinação contra febre amarela, testes rápidos de HIV/Aids e preservativos distribuídos gratuitamente, além de orientações sobre doenças sexualmente transmissíveis. Contou, também, com uma unidade do consultório na rua, que ofereceu serviços de saúde bucal. 

Os moradores da região visitaram uma exposição de animais sinantrópicos (abelhas e carrapatos) e receberam orientações sobre arboviroses.

Os funcionários da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência (SMPED) forneceram informações sobre os serviços disponíveis para pessoas com deficiência como cultura inclusiva, central de intermediação de Libras, estágios para estudantes e oportunidades de trabalho, além de detalhes sobre os selos de acessibilidade digital e arquitetônica. 

Direitos Humanos

Vítimas de violência, agressão, discriminação por gênero ou orientação sexual  contaram com a Unidade Móvel de Cidadania LGBTI, disponibilizada pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania.  A equipe da SMDHC também esclareceu sobre os trabalhos realizados nos Centros de Cidadania, bem como a atuação da Coordenação de Políticas LGBTI e demais órgãos municipais.

As equipes da Coordenação de Promoção da Igualdade Racial atuaram na orientação em casos de discriminação, preconceito e racismo. A Coordenação de Políticas sobre Drogas e Álcool prestou orientação aos interessados sobre os serviços oferecidos às pessoas que enfrentam a dependência química e os problemas causados pelo uso e abuso de álcool. A Coordenação de Políticas para a Juventude, além de uma equipe da Ouvidoria da SMDHC, também prestou atendimento.

Assistência Social

A Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS) participou do mutirão, por meio do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Itinerante, fazendo o cadastramento de famílias em situação de vulnerabilidade social no CadÚnico.

Trabalho

Durante o mutirão, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho ofereceu os serviços do Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo (CATe),  com emissão de primeira e segunda vias da carteira de trabalho,  fornecendo orientações sobre como formalizar uma empresa e tornar-se um Microempreendedor Individual (MEI).

Habitação

A Cohab-SP apresentou à população suas três novas ações: Desplugando, que alerta  sobre perigos que aparelhos eletrônicos plugados na tomada podem causar;  Conviva Bem, cujo objetivo é abordar atitudes que melhoram a convivência dentro de condomínios; e também a ação batizada de Não Seja Enganado, que tem o intuito de prevenir os munícipes quanto aos riscos de adquirir imóveis da Cohab-SP por meio de terceiros.

Cultura

Atividades como oficina de capoeira, baile da terceira idade, show do grupo Poema Novo e coletivo de música, além de um quinteto de metais, foram algumas das atividades proporcionadas pela Secretaria Municipal de Cultura. Também fizeram parte da programação uma apresentação da Cia. de Ballet Danças & Ritmos, pintura de rosto e pula-pula para as crianças. As atrações foram realizadas em três espaços da região: Casa de Cultura Manoel Cardoso Mendonça, Centro Cultural Santo Amaro e Praça Floriano Peixoto.

O mutirão contou também com ações do Sebrae.

Balanço das ações

DST/AIDS

111 testes rápidos
400 abordagens 

Vacinação

80 pessoas vacinadas
200 abordagens

Medição de pressão

200 pessoas atendidas

Saúde bucal

175 kits odontológicos entregues
45 atendimentos 

COHAB

145 atendimentos

CAT

59 ações de intermediação para emprego
10  carteiras de trabalho emitidas 

Pessoas com Deficiência

46 atendimentos

Unidade móvel LGBTI

91 atendimentos 

CadÚnico

50 atendimentos

Práticas de alongamento, relaxamento e automassagem

22 participantes

Prevenção de quedas

95 atendimentos

85 abordagens

CECCO (Centro de Convivência e Cooperativa)

57 abordagens

Sinantrópicos

465 abordagens

 

Ações do documento

Vídeos

Como solicitar o tapa-buraco

Ver agenda completa