Notícias

O número da CET agora é 156

Para obter informações ou fazer reclamações e sugestões referentes ao trânsito na cidade acesse, baixe o aplicativo ou ligue Central SP 156. O número 1188 foi desativado.

De Secretaria Especial de Comunicação

Para entrar em contato com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), seja para realizar o registro de ocorrências de trânsito ou solicitar informações sobre interdições, rodízio, multas, guincho, entre outras, o cidadão deve acessar o portal, baixar o aplicativo ou ligar para a central SP 156. O número 1188 foi incorporado à central telefônica da Prefeitura, que agora concentra o atendimento das questões relacionadas ao trânsito da capital.

A medida tem como objetivo otimizar os recursos públicos, com a redução de custos estimadas em R$ 8 milhões ao ano, com a incorporação de todas as centrais. A economia de recursos com a integração do atendimento da CET chega a R$ 3,5 milhões. Os servidores públicos que faziam o antigo teleatendimento pelo 1188 foram realocados em outras atividades, como o monitoramento do trânsito.

O número 1188 da CET é o 11º telefone municipal a ser incorporado à central telefônica SP156 e vai padronizar o atendimento ao cidadão, uma vez que os canais SP156 já centralizam as demandas relacionadas à zeladoria, limpeza, fiscalização e gestão da cidade.

As centrais de teleatendimento do Departamento de Transporte Público (DTP), da SPTrans (Escolas, Atende, PCD e Idoso, Loja Virtual) e da Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (Loga, Ecourbis, Soma e Inova) já foram incorporadas aos canais SP156.

“A central SP156 atende o cidadão que precisa dos serviços da CET com agilidade e qualidade. Há uma equipe específica para atendimento de questões de trânsito”, destaca Edson Caram, secretário de Mobilidade e Transportes.

A iniciativa faz parte dos esforços para a implementação da Política Municipal de Atendimento ao Cidadão, instituída pelo decreto 58426/18, que busca estabelecer critérios de excelência no atendimento público, entre eles a melhoria e a padronização do acesso aos serviços municipais.

“Para o cidadão, a grande vantagem é não precisar mais conhecer uma série de números de atendimento quando quiser se comunicar com a Prefeitura. Simplificar o acesso da população aos serviços é fundamental para a construção de uma cidade mais inteligente e humana”, complementa Daniel Annenberg, secretário municipal de Inovação e Tecnologia.

Sobre a Política de Atendimento ao Cidadão

Desde setembro de 2018, a Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Inovação e Tecnologia, vem colocando em prática a Política de Atendimento ao Cidadão, focada na excelência dos serviços prestados:  inovação tanto na forma de cuidar da cidade quanto no modo de atender os cidadãos e cidadãs de São Paulo. Foi o decreto 58.426/18, assinado pelo prefeito Bruno Covas, que estabeleceu a padronização de conduta para a promoção e acompanhamento da qualidade dos serviços municipais visando atendimento mais integrado, ágil e eficiente.

O objetivo é instituir boas práticas orientadas para os direitos dos cidadãos e propor uma atuação integrada dos órgãos da Prefeitura a fim de simplificar os procedimentos e gerar transparência. Além da integração CET ao SP 156, outra medida que concretiza esses esforços é a Carta de Serviços – base oficial de informações disponível para consulta nos canais SP156 – que foi expandida para destacar as particularidades de cada serviço, como prazos, documentos e taxas necessários, além da legislação relacionada, entre outros dados, em linguagem cidadã e acessível. Acesse: www.sp156.prefeitura.sp.gov.br.

Ações do documento

Vídeos

SPLICA - Acessibilidade em São Paulo