Notícias

Inquérito Sorológico: Prefeitura amplia controle da disseminação do coronavírus

Prefeitura fará o acompanhamento e uma busca direta nesses 14 distritos de maior prevalência

De Secretaria Especial de Comunicação

Na fase 1 (segunda onda), a proposta é ampliar o teste sorológico nos contatos domiciliares dos casos assintomáticos de casos suspeitos para covid-19 em 14 regiões, seguindo os critérios de elegibilidade (Brasilândia, Cachoeirinha, Jaçanã, Liberdade, Santa Cecília, Cidade Ademar, Jardim São Luís, Campo Limpo, Capão Redondo, Parque São Lucas, Sapopemba, Itaim Paulista, Itaquera e Lajeado), para promover o isolamento daqueles que tiveram contato com o vírus, mas não tem sintomas e podem transmiti-lo.

Coronavírus: Confira as principais notícias publicadas no site da Prefeitura

A medida terá impacto importante no controle da disseminação da doença nas áreas mais vulneráveis, dando equidade a atenção à saúde. Essas áreas serão atualizadas quinzenalmente, de acordo com cada fase do inquérito. 

“Nesta nova fase nós vamos iniciar a testagem dos contactantes, de todos aqueles que estiverem sintomáticos e todos que testarem positivo. Vamos fazer um acompanhamento e uma busca direta nesses 14 distritos de maior prevalência”, explicou o prefeito Bruno Covas.

Leia também

Coronavírus: Prefeitura abrirá 192 novos leitos para pacientes com covid-19

Covid-19: Prefeitura já criou mais de 2.800 leitos desde o início da pandemia

Covid-19: Prefeitura amplia capacidade de testagem



Ações do documento