Notícias

Covid-19: Prefeitura amplia rede de atendimento com unidade na Capela do Socorro

População contará com 70 leitos exclusivos para atendimento de baixa e média complexidade de pacientes diagnosticados com o novo coronavírus

De Secretaria Especial de Comunicação

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, entregou nesta terça-feira (12/05), uma unidade de tratamento para o covid-19 na região da Capela do Socorro, Zona Sul da capital. O prefeito Bruno Covas e o secretário de Saúde, Edson Aparecido, visitaram a nova unidade nesta manhã.

“No início do ano, nós tínhamos 507 leitos de UTI nos nossos 19 hospitais. Já ampliamos em 790 leitos de UTI e vamos chegar a uma ampliação total de 1.500.  A gente espera com essa parceria com o setor privado ainda acrescentar mais 800 leitos de UTI. Tudo isso para evitar termos que escolher quem será ou não será tratado”, afirmou o prefeito Bruno Covas.

O secretário de Saúde, Edson Aparecido, explicou como funcionará o fluxo de atendimento na unidade.“Os pacientes que passarem por leitos de UTI no Hospital de Parelheiros vem para cá no período de recuperação. E aqueles que se agravarem nesta unidade da Capela do Socorro, vão para UTI em Parelheiros”, disse..

O equipamento é anexo ao Hospital Dia, na Rua Cássio de Campos Nogueira, 2.031, e foi totalmente adaptado para o atendimento exclusivo de pacientes infectados pelo novo coronavírus.

Ao todo, serão 70 novos leitos, sendo cinco de estabilização, com equipamentos de UTI, e 65 leitos de enfermaria para pacientes com baixa complexidade. Nesta primeira etapa, serão entregues os primeiros 25 leitos , sendo 20 de enfermaria e cinco de estabilização. No próximo dia 18 de maio estão previstos mais 17 leitos de enfermaria e, dia 31/05, os últimos 28 leitos.

Segundo o secretário Edson Aparecido, a Capela do Socorro é o terceiro distrito com o maior número de óbitos na cidade, ficando atrás da Brasilândia e de Sapopemba. “Vamos receber pacientes que já passaram pelo leito de UTI em Parelheiros e que vão precisar de mais oito dias para se recuperarem”, destacou.

A nova unidade de internação ocupa uma área de 1.600 metros quadrados e foi adaptada para internação de pacientes de baixa complexidade, possuindo toda a infraestrutura necessária. Todos os quartos são equipados com leitos hospitalares, banheiros acessíveis, gases hospitalares e são totalmente climatizados. A unidade terá um tomógrafo, raio-x e exames bioquímicos.

O hospital será referência para a região da Capela do Socorro e Parelheiros, que contam com mais de 782 mil habitantes.

A unidade funcionará de segunda a domingo, 24 horas por dia, e terá mais de 140 funcionários para atender a população.

Leia também:

Coronavírus: Confira as principais notícias publicadas no site da Prefeitura

Ações do documento

Vídeos

SPlica - Agendamento de atendimento nas subprefeituras

Ver agenda completa