Notícias

Confira as ações da Prefeitura na área de trabalho durante este período de pandemia

Estão sendo realizadas lives com empreendedores e já foram feitos processos seletivos on-line, entre outras atividades

De Secretaria Especial de Comunicação

A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho realizou projetos seletivos on-line e vai selecionadar entidades sociais para a produção dos equipamentos de proteção da área da saúde, entre outras atividades. Confira.

Vagas de emprego

A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, mobilizou as equipes do Cate - Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo e da Ade Sampa – Agência São Paulo de Desenvolvimento para realizar o processo seletivo, on-line e presencial, para os hospitais de campanha do Anhembi e do Ibirapuera, respectivamente administrados pela Prefeitura e Governo do Estado, e também para o Hospital Municipal da Brasilândia. Durante a aplicação de provas e entrevistas, realizadas na unidade do Cate Central, para parte das vagas ofertadas, foram seguidas as todas as recomendações dos órgãos de saúde quanto ao distanciamento entre os candidatos e outros cuidados para preservar a saúde das equipes e participantes do processo seletivo.

Foram mais de 13 mil currículos de candidatos interessados em uma das mais de 1600 vagas para psicólogos, enfermeiros, farmacêuticos, fisioterapeutas, escriturário, auxiliar administrativo, líder de limpeza e técnico de eletrônica, entre outros.

Para apoiar a população que necessita trabalhar neste momento de crise, a secretaria está ajudando no processo seletivo de setores que durante a crise aumentaram seus quadros, como as empresas de saúde, varejo e entregas. Um dos processos realizados para esse segmento envolveu uma rede de entregas por aplicativo para a vaga de shopper, pessoas que selecionam e finalizam as compras em supermercados para que o cliente não precise sair de casa.

Costurando pela Vida
A ação tem um investimento de R$ 2 milhões para selecionar entidades sociais para a produção dos equipamentos de proteção da área da saúde.

A expectativa é que sejam produzidas mais de 1 milhão de máscaras para profissionais da saúde e da assistência social, além de 500 mil protetores faciais e 500 mil aventais. Serão aceitas propostas que solicitem apoio financeiro de R$ 50 mil a R$ 800 mil. As propostas recebidas estão sendo analisadas pela comissão de avaliação da Coordenadoria de Desenvolvimento Econômico.

Mais informações

Segundo edital publicado

Cozinhando pela Vida
Idealizada pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, a iniciativa pretende contratar organizações da sociedade civil para a produção de almoço e jantar para a população vulnerável. Com um aporte de R$ 1,7 milhão, o projeto visa produzir 3 mil refeições ao dia, totalizando 180 mil pratos no período de dois meses. As propostas recebidas estão sendo analisadas pela comissão de avaliação da Coordenadoria de Segurança Alimentar e Nutricional.

Mais informações

Atendimento aos empreendedores
A Ade Sampa, agência vinculada à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, está atendendo os empreendedores da capital por telefone, whatsapp e e-mail durante o período que as unidades do Cate e as subprefeituras estiverem fechadas. Pelos canais de atendimento, o empreendedor consegue tirar dúvidas sobre emissão de nota fiscal e outros documentos, além de fazer a formalização do seu negócio como MEI – Microempreendedor Individual. Em apenas três semanas de teleatendimento, mais de 23 mil empreendedores já buscaram os serviços e orientações oferecidas.

Saiba mais

O setor de artesanato e manualidades também está sendo atendido por estes canais. Os artesãos podem tirar dúvidas sobre linhas de crédito, acesso aos auxílios emergenciais, além de se cadastrar para os cursos e atividades oferecidas.

Mais informações

Lives para empreendedores
A Ade Sampa está realizando diversas lives com empreendedores e entidades em variados temas que apoiam os micro e pequenos empresários a enfrentar o período de crise em virtude do coronavírus. Para acompanhar e consultar a programação completa acesse: www.facebook.com/adesampaoficial

Parceria com o Banco do Povo
A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, em parceira com o Banco do Povo, programa de microcrédito do Governo do Estado de São Paulo, realiza o teleatendimento a empreendedores na divulgação da nova linha de crédito de R$ 25 milhões para micro e pequenas empresas enfrentarem os efeitos econômicos da pandemia de coronavírus. A Ade Sampa apresenta, por telefone, whatsapp e e-mail as linhas de microcrédito, condições e processos para cadastramento do pedido de crédito. Já o Banco do Povo é responsável pelo estabelecimento das linhas, análise e concessão do crédito.

Saiba mais

Aceleração de startups
A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, e da Ade Sampa, lançou uma iniciativa para apoiar startups que estão produzindo soluções tecnológicas imediatamente aplicáveis no combate aos efeitos econômicos do coronavírus. Serão selecionados dez projetos de empresas da capital paulista e cada um receberá o valor de R$ 100 mil, além de um processo de mentoria de dois meses. A ação dará suporte à rápida implementação de soluções e na estruturação de um modelo de negócio que reduza os impactos econômicos da crise, garantindo a preservação de empregos no município e a geração de renda da população.

A equipe técnica da Ade Sampa está avaliando e selecionando as propostas vencedoras.

Mais informações

Capacitação on-line para professores de moda
A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, em parceria com o Fashion Revolution Brasil e o British Council, realizaram uma sessão de treinamento on-line para professores da cidade no setor de moda. A ação faz parte do Programa Educacional Jovens Revolucionários, que tem como objetivo desenvolver, a partir do intercâmbio e colaboração de educadores do Brasil e do Reino Unido, materiais educativos para sensibilizar estudantes da cadeia da moda.

Mais informações

Aceleração Vai Tec
A Prefeitura de São Paulo está com edital aberto para as inscrições para o novo edital do Vai Tec – programação de valorização de iniciativas tecnológicas que acelera e impulsiona negócios inovadores das periferias da cidade. Em sua quinta edição, o programa da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho irá apoiar e desenvolver 24 projetos, com aporte financeiro de R$ 34.200,00 e aceleração de oito meses para cada negócio vencedor do edital. As propostas podem ser enviadas até 16 de maio.

Saiba mais

EAD – Portal de ensino a distância
O Portal do Cate foi fortalecido durante o período e quarentena e é outro recurso gratuito que disponibiliza dezenas de capacitações por meio de vídeo-aulas e também dicas e inspirações para o cidadão escolher uma profissão ou optar pelo empreendedorismo. Os alunos que finalizarem as capacitações terão direito a certificados emitidos automaticamente pela plataforma. A Fundação Paulistana, por meio do Portal do Cate, está oferecendo conteúdos sobre gestão de negócios e inspiração para quem busca autonomia financeira. Transmissões ao vivo, podcasts, vídeos e textos com dicas podem ser acessados gratuitamente no endereço www.cate.prefeitura.sp.gov.br

Escola Makiguti
Desde 27 de abril, os 1.500 alunos matriculados na Escola Makiguti passaram a ter aulas em um ambiente virtual preparado para receber as aulas. Por meio da plataforma Google Sala de Aula, professores e alunos podem se comunicar e dar continuidade ao ano letivo dos cursos técnicos oferecidos pela escola.

Saiba mais

Banco de Alimentos
O Programa Banco de Alimentos segue atendendo as entidades assistenciais cadastradas, encaminhando alimentos perecíveis e não perecíveis para a população em situação de vulnerabilidade. As doações que o Banco recebe são submetidas a um processo de triagem, que avalia o que está apto para o consumo antes de encaminhar os alimentos para as entidades.

Durante a quarentena do coronavírus, o programa recebeu doações do setor privado e também de outras Secretarias, confira:

Cestas básicas do Grupo Carrefour – A rede promoveu a doação de 2.500 cestas básicas de alimentos durante a quarentena do coronavírus ao Banco de Alimentos. As cestas são compostas de arroz, feijão, açúcar, óleo de cozinha, biscoitos, dentre outros itens.

Saiba mais:

Doação das 1.400 cestas básicas em março

Doação das 1.100 cestas básicas em abril

Insumos da merenda escolar – A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Educação, doou mais de 10 toneladas de mantimentos que estavam parados nas escolas municipais durante a quarentena. A maior parte foi direcionada para as entidades assistenciais cadastradas do Banco, enquanto o restante foi encaminhado para 38 Centros Temporários de Acolhimento, da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social. Saiba mais

Programa de Combate ao Desperdício e à Perda de Alimentos – O programa continua recolhendo frutas, verduras e legumes que estão em boas condições de consumo e encaminhando a coleta para as associações que estão em atividade. Entre março e abril, a iniciativa coletou mais de 420kg de alimentos nas feiras livres em que o Programa participa. Saiba mais

Leia também:

Coronavírus: Confira as principais notícias publicadas no site da Prefeitura

Ações do documento

Vídeos

SPlica - Atendimento no Cate

Ver agenda completa