Notícias

Coronavírus: como garantir a segurança no atendimento ao público em tempos de pandemia

COVISA lista as principais medidas para evitar a proliferação do coronavírus em serviços de contato direto entre atendentes e clientes ou usuários de serviços essenciais

De Secretaria Especial de Comunicação

A Coordenadoria de Vigilância em Saúde (COVISA), administrada pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, produziu uma cartilha com dicas e recomendações para empresas e trabalhadores que prestam atendimento ao público, sobre como prevenir a covid-19.

Considerando o cenário atual, é de extrema importância que as pessoas que trabalham diretamente com o público adotem medidas preventivas no ambiente de trabalho. Todo cuidado com a higiene é pouco, tanto para empresas quanto para os trabalhadores.

A empresa deverá rotineiramente:

- Substituir, sempre que possível, o atendimento presencial ao público por serviços “online”;

- Na impossibilidade de serviços online, providenciar uma barreira física entre os colaboradores e clientes (vidro ou acrílico);

- Na impossibilidade de instalar barreira física, proporcionar o distanciamento social recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), mantendo distância maior do que um (1) metro entre as pessoas ;

- Ampliar a frequência de limpeza do piso, bancadas, superfícies, corrimão, maçaneta, e banheiros com álcool 70% ou hipoclorito de sódio 1%;

- Disponibilizar e garantir, para uso dos trabalhadores e dos usuários, local para lavagem frequente das mãos, provido de sabonete líquido e toalhas de papel descartável;

- Garantir o distanciamento social dos usuários durante a espera do atendimento, diminuindo o numero máximo de pessoas no ambiente e realizar demarcação no chão do distanciamento mínimo de 1 metro entre as pessoas;

- Proporcionar boa ventilação, mantendo portas e janelas abertas. Em caso de ambiente climatizado, realizar a manutenção de aparelhos de ar condicionado, observada as orientações das autoridades de saúde e sanitária disponíveis no site da Covisa 

- Nos procedimentos de limpeza do ambiente, recomenda-se não utilizar ar comprimido ou água sob pressão, ou qualquer outro método que possa gerar respingos ou aerossóis;

Aos trabalhadores:

- Manter todos os cuidados gerais em relação à higienização dos ambientes, assim como os cuidados de higiene pessoal e distanciamento social;

- Cumprir todas as rotinas já determinadas pela empresa que visam a proteção dos trabalhadores aos riscos ocupacionais, principalmente biológico;

- Lavar as mãos sempre que possível entre atendimentos e utilizar álcool gel, quando a atividade não permitir a frequência da lavagem das mãos;

- Utilizar luvas de procedimentos descartáveis, as quais devem ser trocadas sempre que necessário, em atividades que envolvam o manuseio de documentos, produtos, dinheiro ou cartão de pagamento e lavar as mãos entre as trocas das luvas, com descarte em local adequado;

- Evitar compartilhar objetos de uso pessoal, inclusive canetas e ferramentas. Caso necessário, higienizar antes e depois dos procedimentos com solução de água e sabão ou álcool 70%;

- Não comparecer ao trabalho se manifestar sintomas respiratórios e avisar a chefia. Pessoas com sintomas respiratórios, bem como os contatos intradomiciliares precisam permanecer em isolamento por 14 dias, contados da data de início dos sintomas. Nessa situação, caso seja extremamente necessário sair de casa, usar máscara;

Leia também;

Coronavírus: Confira as principais notícias publicadas no site da Prefeitura

Ações do documento