Notícias

Cidade Solidária ultrapassa 1,6 milhão de cestas entregues a famílias vulneráveis do município

Pessoas em situação de precariedade e grupos diversificados, de imigrantes a ambulantes, também foram atendidos com kits de higiene e limpeza, orientações das equipes de saúde e livros. Para auxiliar mais pessoas, programa precisa que as doações continuem

De Secretaria Especial de Comunicação

O programa Cidade Solidária superou a marca de 1,6 milhão de cestas básicas entregues a famílias em situação de vulnerabilidade e a grupos variados de diversas regiões da cidade, desde ambulantes, imigrantes, catadores, pessoas com deficiência e indígenas. Desde o seu início em 7 de abril, a ação de voluntariado já entregou também mais de 798.461 mil kits de higiene e limpeza.

Os números só foram atingidos graças ao esforço conjunto entre a Prefeitura de São Paulo, grandes empresas, entidades parceiras do programa e sociedade civil e o apoio do Governo do Estado, por meio de doações, montagem e distribuição dos mantimentos.

O Cidade Solidária atua em diversas frentes. São atendidas famílias e pessoas em situação de vulnerabilidade, de exclusão pela pobreza e risco pessoal ou social inseridas na Rede da Assistência Social, da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS), e na Rede de Educação, da Secretaria Municipal da Educação (SME). Além disso, é promovido atendimento, por meio de parcerias com diversas secretarias municipais e entidades que aderiram ao programa, a territórios vulneráveis (assentamentos precários, favelas, cortiços e ocupações) e a grupos vulneráveis (imigrantes, ambulantes, catadores, por exemplo).

A entrega está georreferenciada e é possível saber os locais que receberam as doações por meio de um mapa digital disponível no site do programa. A iniciativa evita a sobreposição de doações, garantindo, assim, que mais famílias vulneráveis sejam atendidas. Para visualizar o mapa, acesse https://www.spcidadesolidaria.org/, clique na seção “Acompanhe” e em seguida “Locais onde as doações foram entregues”.

O conjunto de cestas básicas e kits de higiene e limpeza entregues pelo programa possui origens variadas: grandes doações de produtos por parte de entidades e empresas; contribuições em dinheiro por meio da conta do programa; doações individuais nos pontos de coleta Drive-Thru Solidário e na rede de transporte; doações realizadas pelo Governo do Estado de São Paulo e aquisições realizadas pela própria Prefeitura de São Paulo.

Saúde e Cultura

Além de mantimentos, o programa tem atendido a população por meio de equipes de saúde do município, que oferecem orientações preventivas sobre o coronavírus, álcool gel, máscaras de proteção e vacinação contra a influenza.

Nesse sentido, desde o início da pandemia, o município já doou mais de 1,8 milhão de máscaras à população. Até 17 de julho, a Secretaria Municipal da Saúde promoveu 12.542 ações nas comunidades da cidade, totalizando mais de 1,7 milhão de pessoas abordadas com visitas e orientações.

Mais do que saúde, o programa Cidade Solidária tem levado cultura a diversas regiões da cidade. A ação já encaminhou, junto aos mantimentos, 42 mil livros às famílias, doados por editoras e por autores nos pontos de coleta. Até o começo de agosto, a expectativa é que mais 52 mil publicações sejam encaminhadas às comunidades. A união entre cestas básicas, saúde e cultura fortalece a rede de solidariedade do município.

O Cidade Solidária é um dos diversos projetos lançados pelo município para minimizar os impactos da pandemia de coronavírus sofridos pelas pessoas mais vulneráveis e garantir alimentação. Nesse sentido, além das cestas básicas, já foram doadas mais de 1.154 toneladas de alimentos por diversas iniciativas da Prefeitura.

O Banco de Alimentos, vinculado à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho (SMDET), por exemplo, já doou, durante a pandemia, 786,5 toneladas de alimentos para centenas de entidades assistenciais cadastradas pelo programa.

Não diferente, outro projeto da SMDET, o Cozinhando pela Vida, tem entregue, todos os dias, cerca de 600 refeições - 300 no almoço e 300 no jantar - para pessoas em situação de rua nas regiões central e noroeste da capital.

Já o Projeto Rede Cozinha Cidadã, coordenado pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania (SMDHC), distribuiu até o momento, por meio de pequenos e médios comerciantes do ramo de alimentação que aderiram à proposta, 736.825 refeições à população em situação de rua. Além disso, em parceria com o Cidade Solidária, essas pessoas receberam 15.000 kits de higiene (sabonetes e pastas de dente) e 37.500 máscaras de proteção.

Por fim, a SMDHC disponibilizou 122.500 máscaras de proteção ao novo coranavirus, sendo 80 mil destinadas à Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Assistência Social e 45 mil distribuídas pela própria secretaria a grupos específicos como indígenas, ciganos e população em situação de rua.

Mais pessoas precisam ser atendidas
Para que o programa Cidade Solidária possa manter ou até mesmo ampliar as entregas, é fundamental que as empresas e população continuem colaborando com doações. Muitas famílias e pessoas em situação de precariedade ainda precisam de ajuda!

Cestas básicas e/ou kits de higiene e limpeza podem continuar sendo doados em qualquer um dos nove pontos de Drive-Thru Solidário do programa. Os equipamentos culturais estão situados em várias regiões da cidade e não é preciso nem sair do carro para contribuir.

Outra opção é doar mantimentos no sistema de transporte da cidade ou até mesmo até da Grande São Paulo. A ação de voluntariado está presente em diversas estações de Metrô e terminais metropolitanos de ônibus, ambos do Governo do Estado.

Todos os pontos de coleta, sejam da rede de transporte ou de Drive-Thru Solidário, estão listados no site https://www.spcidadesolidaria.org/

A população também pode doar qualquer valor em dinheiro para um Fundo com destinação exclusiva para aquisição de cestas. Dados para doação: Banco do Brasil, PMSP/SMDU-Cidade Solidária, CNPJ: 46.395.000/0001-39, Agência 1897-X, C/C 2020-6.

Já para oferecer grandes quantidades de cestas ou alguns dos itens solicitados, interessados podem procurar à Prefeitura por meio do portal 156 ou do e-mail contato@spcidadesolidaria.org. Todas as empresas parceiras do programa se encontram no site.

Saiba mais em https://www.spcidadesolidaria.org/

 

 

Ações do documento

Vídeos

Construindo Histórias - Merenda Escolar Sustentável