Notícias

Ciclistas e motoristas aprovam atividade promovida pela SPTrans, na qual trocaram os papéis

Após ação realizada nesta manhã na Zona Leste, participantes enfatizaram a importância da empatia e o respeito entre os modais de transporte

De Secretaria Especial de Comunicação

A SPTrans promoveu, na manhã desta terça-feira (21), a atividade Inversão de Papéis na garagem da empresa Ambiental, no Tatuapé, Zona Leste. Durante a ação, que faz parte da programação da Semana da Mobilidade 2021 e teve como tema “Conviva com Respeito”, motoristas de ônibus do Sistema Municipal de Transporte Coletivo trocaram de lugar com ciclistas da cidade.

O encontro, que contou com 50 participantes, foi dividido em duas etapas. No primeiro, motoristas, ciclistas, instrutores das operadoras, técnicos e pessoal de RH da SPTrans integraram uma roda de conversa, intermediada, com o objetivo de proporcionar troca de experiências e incentivar uma melhor convivência entre os grupos.

Na segunda fase do evento os motoristas dos coletivos subiram nas bicicletas, que foram fixadas ao asfalto, enquanto um ônibus articulado, conduzido por um instrutor, passou ao lado deles simulando uma experiência real de trânsito. Os ciclistas, por sua vez, ocuparam o lugar do motorista do ônibus para vivenciar a dificuldade que esses profissionais possuem de enxergar os chamados pontos cegos, áreas onde não há plena visibilidade.

Aprendizado positivo

Para Daniel Oliveira, motorista há 14 anos, 13 deles na empresa Ambiental, passar por esta experiência como ciclista lhe trouxe um aprendizado positivo. Na primeira vez que utilizou a bicicleta o ônibus passou por ele respeitando a distância de 1,5 de distanciamento da ciclofaixa e sentiu-se seguro. No entanto na segunda, quando o veículo aproximou-se da pista, ele afirmou que foi tomado por uma sensação desconfortável.

O também motorista Marivaldo, que costuma ir trabalhar de bicicleta, enfatizou que considera a iniciativa da SPTrans muito boa para ciclistas e operadores.

Já Erick Araújo, que utiliza a bicicleta para todos os seus deslocamentos, subir em um veículo articulado e saber onde o motorista não tem campo de visão para ver um ciclista ou pedestre foi bem interessante. A mesma opinião foi compartilhada pela ciclista Raquel Andretto. Ela não apenas quis sentar-se no lugar do motorista, para entender o ponto cego, como também desejou saber como funciona todo o painel do veículo e qual a função de cada botão que os motoristas usam para dirigir. Ela ressaltou que é um trabalho bem mais complexo do que imaginava.

Os participantes consideraram tanto a conversa como a parte prática um aprendizado interessante e que reforçou a necessidade de ter muita atenção aos movimentos tanto dos motoristas tanto dos ciclistas.

Harmonia

A “Inversão de Papéis” é realizada pela SPTrans desde 2017, com o objetivo de ressaltar a importância da harmonia entre os modais de transporte da cidade, estimulando a empatia e o respeito.

Ações do documento

Vídeos

Construindo Histórias - As Cores da Cidade

Ver agenda completa