Notícias

Assistência social: Prefeitura reforça ações de acolhimento durante o frio

Desde o início da Operação Baixas Temperaturas, foram realizados 6.011 acolhimentos durante as madrugadas, nas ruas da cidade

De Secretaria Especial de Comunicação

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS), tem reforçado as ações e prestado assistência às pessoas em situação de rua na cidade de São Paulo. Apenas na madrugada desta quinta-feira (16), 111 pessoas foram acolhidas, houve 13 recusas e foram distribuídos 79 cobertores. 

No dia 6 de maio, foi publicada a portaria que institui o comitê para o "Plano de Contingência para Situações de Baixas Temperaturas - 2020", que se estenderá até 20 de setembro deste ano. A ação é reforçada sempre que a temperatura atingir um patamar igual ou inferior a 13º ou sensação térmica equivalente.

Desde o início da Operação Baixas Temperaturas, foram realizados 6.011 acolhimentos nas madrugadas atendidas pela Coordenação de Pronto Atendimento Social (CPAS) na cidade de São Paulo. Houve 562 recusas e 3.418 cobertores foram distribuídos.

As abordagens durante o dia, realizadas pelo Serviço Especializado de Abordagem Social (SEAS), também estão sendo intensificadas nesta época do ano, a partir de um trabalho socioeducativo intersecretarial que busca a aproximação e a criação de vínculo com esse público.

Ações do documento