Notícias

Ação Vidas no Centro soma mais de 400 mil atendimentos

Banheiros, chuveiros e lavanderias foram montados para prevenir a proliferação do coronavírus entre a população em situação de vulnerabilidade

De Secretaria Especial de Comunicação

Desde o início da pandemia, a cidade de São Paulo realiza diversas ações para diminuir o contágio pelo coronavírus. Uma delas é a ação Vidas no Centro, iniciada no dia 4 de abril, com o objetivo de oferecer banheiros, banhos e lavandeiras para pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Até agora, já foram mais de 400 mil atendimentos realizados, com uma média de 4 mil pessoas por dia em todas as sete unidades. São mais de 120 mil usuários por mês. Essa soma representa cerca de 310 mil banhos oferecidos, 94 mil usos nos banheiros e mais de 5 mil lavagens de roupas.

A ideia principal da ação é disponibilizar opções de limpeza e higiene para pessoas em situação de rua. “Esta iniciativa conjunta demonstra que os esforços da Prefeitura de São Paulo também estão voltados para garantir que estas pessoas em condições de vulnerabilidade tenham condições básicas durante o período de quarentena”, ressalta o Secretário Municipal de Turismo, Miguel Calderaro Giacomini.

A ação Vidas no Centro conta com banheiros, sanitários e lavanderias nas regiões da Praça da Sé, Praça da República, Largo do Paissandu, Praça Ouvidor Pacheco e Silva e Praça Cívica Ulisses Guimarães (Pq. Dom Pedro II). Há também duas estações exclusivas de sanitários no Pateo do Collegio e Largo General Osório.

Ações do documento

Vídeos

Construindo Histórias - Merenda Escolar Sustentável

Ver agenda completa